Você sabe lidar com conflitos?

Todo ponto de vista é a vista de um ponto”

Lonardo Boff

 

Objetivo: Despertar a consciência de que embora os conflitos sejam inevitáveis nos relacionamentos humanos, podemos diminuir sua incidência, minorar seu efeitos e resolvê-los sem perder amigos, desenvolvendo maturidade emocional e espiritual.

 

DINAMICA1: disponha numa superfície uma quantidade de balas, biscoitos embrulhados, ou frutas,amendoim, castanha (como desejarem, sendo suficiente apenas para a metade das pessoas presentes e peça para cada participante  pegar uma, mas não devem consumi-las. Observem o que ocorrerá e discutam sobre as atitudes, fórmulas utilizadas e os resultados,não discutam sobre as pessoa.  Obs.: recolha o comestível entregue.

 

Cada ser humano é único. Único por sua história de vida, percepção do mundo, educação familiar e desenvolvimento do auto-conhecimento e esforço pessoal para aprimorar-se. Assim sendo é extremamente comum que enfrentemos diariamente resistências, embates, combates e até guerras, principalmente porque ao pecarmos (Rom.3:23) nossa natureza foi afetada (Rm 7:15-18). Criou-se um abismo relacional horizontal (entre os homens) e vertical (para com Deus), de modo que para ambos os casos só a CRUZ pode ser a ponte harmonizadora das interrelações eu-outros-Deus.

Nesta lição nos concentramos nas relações interpessoais – eu e os outros. A propósito, você teve algum tipo de conflito em casa, no trabalho ou igreja nos últimos dias ou meses?  Certamente foram gerados por idéias, interesses ou princípios divergentes ou má compreensão do outro. Todavia o conflito não e um mal em si, o mal é não saber lidar positivamente com ele. A prova da maturidade emocional e espiritual está em resolver conflitos.

 

 

Aqui vai um pequeno teste de sondagem:

 

Esta avaliação foi desenvolvida por Denize Dutra, consultora do INSTITUTO MVC e adaptada pela professora Teresa Matos.

Leia cada afirmativa e atribua pontos de acordo com a escala abaixo. Seja sincero(a) e FELICIDADES!

Responda as perguntas abaixo, marcando um "x" para cada resposta. Não leia os resultados no final, antes de responder a todas as perguntas, pois senão o teste perderá a veracidade.

Eu...

Sempre

Quase sempre

Às vezes

Raramente

Jamais

1. ...entendo que os conflitos são muitas vezes inevitáveis, pois temos diferenças que são naturais ...

 

 

 

 

 

2. ... diante de um conflito, consigo manter meu autocontrole, e não me envolvo emocionalmente, focando a situação e não as pessoas…

 

 

 

 

 

3. ... procuro me colocar no lugar dos outros, sendo sensível aos seus sentimentos e compreensivo quanto às suas posições...

 

 

 

 

 

4. ...  estando em um conflito, procuro pensar numa forma de resolver a situação positivamente para os dois lados, o meu e o dos outros...

 

 

 

 

 

5. ... percebo que contribuir para a solução de um conflito entre terceiros, é não tomar posições em favor ou contra alguma parte, e tentar mediar, mantendo foco no problema e não nas pessoas…

 

 

 

 

 

6. ...consigo superar meus sentimentos de raiva e frustração e cooperar para encontrar uma solução adequada…

 

 

 

 

 

7. ...nas divergência procuro conversar diretamente com a pessoa, colocando assertivamente o que está ocorrendo e como estou me sentindo…

 

 

 

 

 

8. ...consigo ouvir o outro, mesmo quando estou contrariado, para tentar entender seu ponto de vista

 

 

 

 

 

9. ...acredito que a melhor solução é aquela que é boa para os dois lados, e que pode existir uma terceira alternativa, que não é a minha nem a dos outros…

 

 

 

 

 

10. ...procuro aprender com as situações de conflitos pessoais, ou com terceiros.

 

 

 

 

 

11. ...tenho flexibilidade para entender outros pontos de vista diferentes dos meus…

 

 

 

 

 

12. ...cedo, quando percebo que isto não fere os princípios bíblicos e poderá contribuir para um entendimento entre as partes e para resultados positivos para ambos.

 

 

 

 

 

SOME O TOTAL DE CADA RESPOSTA (COLUNA)

MULTIPLIQUE POR ...

5

4

3

2

1

TOTAL POR COLUNA

 

TOTAL GERAL
(Soma das Colunas)

AVALIAÇÃO DE RESULTADOS

49 a 60 pontos - Sua habilidade para LIDAR COM CONFLITOS é EXCELENTE. Tem atitudes muito positivas diante das situações de conflito, favorecendo soluções eficazes e podendo assumir papel de mediador/conciliador no conflito entre terceiros.

37 a 48 pontos - Sua habilidade para LIDAR COM CONFLITOS é BEM DESENVOLVIDA, mas pode aprender ainda mais com cada nova experiência.

25 a 36 pontos - Sua habilidade para LIDAR COM CONFLITOS É MEDIANA.Você precisa expandir mais sua inteligência emocional, pois o autoconhecimento, o autocontrole, a empatia , a sociabilidade, a assertividade e a flexibilidade são as bases para esta habilidade. Você tem potencial, mas precisa desenvolvê-lo mais ! Ore!

12 a 24 pontos - Você tem POUCA habilidade para LIDAR COM CONFLITOS. Aprenda a ouvir mais os outros e a respeitar as diferenças naturais, ninguém é igual a ninguém! Admita e aceite as vulnerabilidades (pontos fracos). Observe  pessoas e situações bem sucedidas nestes aspectos e avalie quais são as habilidades e atitudes que fizeram diferença.   Elabore um plano de ações para desenvolver as habilidades e atitudes que deseja aprimorar, ore e jejue!

Menos de 12 pontos - Sua habilidade para LIDAR COM CONFLITO É MUITO PEQUENA. Acredite que melhorar esta habilidade,  pode ser mais fácil do que você imagina, mas exige trabalho persistente, e muita disponibilidade para o outro. Procure aprender com todas as experiências , mesmo que sejam negativas. Evite repetir situações que promovam frustrações, procure estar mais aberto para os relacionamentos e a considerar alternativas novas diante das situações. Seja mais flexível ! Exercite ! Tente ! Tente de novo ! Você pode, Deus disponibiliza anjos e poder! Ore e Jejue!

Entenda este teste como um estímulo à  auto-análise, pois ajuda a identificar pontos “cegos” que podemos desenvolver para melhorar nossa atuação pessoal. 

Agora que você já tem a sua autopercepção, considere a possibilidade de ampliar, durante a semana, seu autoconhecimento, pedindo a uma, duas ou três pessoas que convivem diretamente com você (pessoal ou profissionalmente) para responderem o teste sobre você e darem um feedback sobre os resultados do mesmo.

Desta forma, você poderá entender melhor os impactos  positivos ou negativos destes aspectos sobre o seu desempenho e suas relações com DEUS, CONSIGO e com o OUTRO !

           

Após testar sua maturidade em relação aos conflitos, a meta é ser melhor a cada dia, tendo em mente as palavras de Cristo em Jo.16:33: “estas coisas vos tenho dito para que tenhais paz em mim. No mundo passareis por aflições; mas tende bom ânimo, eu venci o mundo.” Para alcançar tal objetivo eis algumas sugestões:

 

DEZ MANDAMNTOS PARA SOLUÇÃO  DE CONFLITOS

 

1.        Seja um bom ouvinte e não responda até a pessoa terminar (Pv 18:13);

2.        Identifique e defina o problema básico, trazer outras questões suscita mais conflitos (2Tm 2:16);

3.        Defina a área de concordância e discordância (2 Cor. 13:5);

4.        Identifique sua contribuição no problema e sugira que o outro faça o mesmo, evite dizer o erro dele, pois a tendência é o revide, e as críticas (1 Cor.11:28);

5.        Confesse que você também tem problema (Pv.28:13);

6.        Dê sugestões de como você pode mudar seu comportamento e atitude, ore com a pessoa por isso (Rom:10:10);

7.        Pratique a tolerância, a empatia, coloque-se no lugar do outro sem pretensões, sinta  sua dificuldade e deficiência (Gl. 6:2);

8.        Transforme tempestade em copo d’água – se o problema existe, para que superdimencioná-lo e desesperar-se? Resolve ou melhora-o? Estresse diminui dias de vida, lembre-se! (Sl.32:11);

9.        Exerça autocontrole! Não são as pessoas que lhe descontrolam, é você quem faz isso e a responsabilidade é toda sua (Tg 1:14; );

10.     Escolha uma boa hora e ocasião para dialogar sobre as divergências, em parte é o segredo para um diálogo produtivo para ambas as partes (Ecl. 3:1).

Quais destes procedimentos você já pratica? Quês outros mais se poderia acrescentar?

Como eles tem te ajudado a resolver os conflitos que surgem nas relações familiares, de amizade e trabalho? Quais destes você deseja incorporar à sua conduta?

 

BEM AVENTURADOS os PACIFICADORES porque eles herdarão a Terra.” Mt.5:9

 

DINÂMICA 2: Coloque na superfície da mesa balas na quantidade do número de participantes, peça que de braços abertos e sem dobrá-los, cada um pegue a sua bala, biscoitos, frutas, como desejarem  e chupem ou comam, encontre uma forma criativa de fazê-lo.

 

Conclusão: Quanto maior nossa maturidade emocional e espiritual, quanto mais desenvolvermos a habilidade de nos relacionarmos com os outros, mais sucesso teremos em tudo que fizermos, mais felizes seremos e mais felizes faremos com que os outros sejam.

 

           

Ministério Pessoal e Escola Sabatina

Associação Bahia